29 de janeiro de 2011

GIGANTESCA MANIFESTAÇÃO ANTI-ABORTO NOS EUA — Uma grande notícia que a mídia brasileira “não viu”...


Aproximadamente 350 MIL pessoas participaram nesta 2ª. feira (24 de janeiro) da MARCH FOR LIFE, em sua 38º edição em Washington. A meta da Marcha é obter a revogação da decisão (conhecida como Roe versus Wade) da Suprema Corte dos EUA que legalizou o aborto naquele país em janeiro de 1973, com sentença favorável ao processo que defendia a tese de que um nascituro não é uma pessoa... Portanto, um ente sem direitos — portanto, uma decisão ignóbil e homicida!


Na passeata deste ano, chamou especialmente a atenção dos observadores a enorme participação de um público bem jovem, sobretudo universitários, e com muito mais garra na posição contrária ao aborto. Enquanto o movimento favorável à prática abortiva envelhece, a reação contrária cresce entre os jovens e com muita vitalidade para acabar de vez com o assassinato de nascituros.


Outro aspecto destacado pelos observadores foi a numerosa participação de grupos anti-aborto do exterior, como associações provenientes do Canadá, da França, Itália, Alemanha entre outros países. Nossa Pátria honrou a March For Life com a presença do Príncipe Imperial do Brasil, Dom Bertrand de Orleans e Bragança, que se encontrava em Washington num congresso anti-aborto organizado pela Sociedade Americana de Defesa da Tradição, Família e Propriedade nos dias 14, 15 e 16 deste mês. Como em anos anteriores, a TFP norte-americana participou ativamente do evento. Levando num andor a imagem de Na. Sra. de Fátima, e com sua fanfarra tocando hinos patrióticos e marchas americanas, membros da entidade distribuíram largamente um folheto intitulado: “Mais 10 boas razões para a luta contra o aborto”.


Não nos causa mais surpresa a ausência de notícias na mídia brasileira a respeito de tão grandioso evento, uma vez que ela, em sua imensa maioria, é confessadamente abortista, além de esquerdista — aliás, dois adjetivos que andam sempre de mãos dadas.


Nem precisamos dizer que se fosse uma “Marcha Pró Aborto” — ainda que dela participasse apenas uma dezena de abortistas — toda nossa mídia não iria ignorar e publicaria exageradas manchetes a respeito. O pior cego é aquele que não quer ver... E quando ouve alguém falando em March For Life, finge-se de surdo... ou de morto...


A seguir algumas fotos e no final três vídeos da Marcha, que a mídia “não viu”.
_____________
PS: Aproveito este post para lhes transmitir uma outra boa notícia — mais um exemplo para o Brasil —, que foi a manifestação anti-aborto transcorrida na véspera da Marcha na capital norte-americana: a 7ª edição da Walk for Life West Cost, em São Francisco (Califórnia). Neste ano tal passeata contou com quase 50 MIL pessoas.








______



_____

'media=126208&embed=true&autostart=true' : (($('#embed_autostart').attr('checked')) ? 'media=126208&embed=true&autostart=true&controls=false' : (($('#embed_controls').attr('checked')) ? 'media=126208&embed=true' : 'media=126208&embed=true&controls=false'))) + '" quality="high" scale="noborder" allowscriptaccess="always" allowfullscreen="true">

Um comentário:

Diácono Flávio Sobreiro disse...

Estou passando para parabenizar mais uma vez seu trabalho! E aproveito para convidá-lo para participar do Selo Troféu Blog Cristão 2011. Se puder ajudar na divulgação do mesmo agradeço a você!

http://trofeublogcristao2011.blogspot.com

Abraço fraterno!