15 de fevereiro de 2012

CARNAVAL: A verdade sobre a mentira da folia imoral e pagã

“Não vejo a hora de chegar a quarta-feira de cinzas...”

Numa linguagem cada vez mais rara de se ouvir, a repórter paraibana Raquel Sheherazade [foto], sem receio da “censura”, diz o que pensa a respeito do Carnaval brasileiro. Gostei muito do comentário feito por ela e, ao ouvi-la, pensei: “Como seria bom se no Brasil houvesse outros jornalistas com essa coragem: falar o que pensa, sem medo de ser considerado “politicamente incorreto”. O País lucraria enormemente!”

Calorosamente, felicito essa jornalista por dizer aquilo que muita gente gostaria de bradar, mas não têm “voz nem vez” — não têm à disposição um meio de comunicação, como, no caso, a TV Tambaú da Paraíba. Felicito também essa TV, por ter dado à jornalista a oportunidade de se expressar livremente, sem se incomodar com as “patrulhas ideológicas”.

Mas, infelizmente, há também muitas pessoas que gostariam de dizer verdades sobre o carnaval, mas ficam com medo de serem taxadas de “caretas”, “intolerantes”, “politicamente incorretas”, etc.

Raquel Sheherazade faz um muito oportuno e belo desabafo — feito corajosamente e de modo inteligente —, com o qual concordo 100%. Nestes dias de folia imoral e pagã, vale a pena ouví-la e divulgar o link para o vídeo:
http://blogdafamiliacatolica.blogspot.com/2012/02/carnaval-verdade-sobre-mentira-da-folia.html

Isto poderia ajudar a evitar que muitas famílias sejam “carnavalizadas”...

 

7 comentários:

Bruno Willian disse...

A verdade não é dita nos meios de comunicação em massa. Só descobrimos em blogs.

a841a2ec-58be-11e1-8579-000f20980440 disse...

Pessoas feias podem dizer coisas bonitas. Também pessoas bonitas podem dizer coisas feias. Mas quando pessoas bonitas dizem coisas bonitas, tudo se completa. O comentário está perfeito!! PARABÉNS RAQUEL SHEHERAZADE!! COM SEU COMENTÁRIO GANHEI DIAS DE DESCANSO NOS DIAS DE CARNAVAL!!

Eliy Wellington Barbosa da Silva disse...

Não se engane: o carnaval é festa religiosa, sobrevivente do paganismo antigo, dedicado a Momo - deus da zombaria, do sarcasmo, da farra e que está ligada à quaresma - período de abstinência e jejum, que termina com a semana chamada santa. Momo é Satanás disfarçado. Jesus em sua quaresma de jejum e oração, decisivamente repeliu o falso deus dizendo: “Vá embora, Satanás! As Escrituras Sagradas afirmam: "Adore o Senhor, o seu Deus, e sirva somente a ele" (Mateus 4:10). http://eliybarbosa.blogspot.com/2012/02/carnaval-nenhuma-verdade-vem-da-mentira.html

Anônimo disse...

Para a TV FOCO, a bravíssima Rachel Sheherazade declarou numa entrevista:

"Quando fiz o comentário sobre o carnaval no meu programa, o Tambaú Notícias acreditava que ele teria certa repercussão, assim como outros temas que levantei em outras oportunidades de opinar. Mas, achava que a repercussão seria local, dentro da Paraíba mesmo. Não esperava que alguém fosse postar o comentário na internet e que esse vídeo pudesse se espalhar tão amplamente, chegando ao conhecimento do Sílvio Santos....
Para alguns ela (a quarta-feira-de-cinzas) é ingrata e chega depressa demais. Eu acho que até ela demorou muito, mas antes tarde do que nunca. Finalmente é quarta-feira de cinzas, e agora sim, dois meses depois do réveillon o ano de fato vai começar. Agora que as fantasias se rasgaram, que os trios e as batucadas se calaram, agora que a maquiagem manchou, que as máscaras caíram e a folia terminou agora que o efeito inebriante do carnaval já passou é hora de viver a vida real". (Rachel Sheherazade)

stefan disse...

Católicos no “ PONTO DE ENCONTRO COM O DIABO?”
OU DE COMO PROCEDER PARA SE ENLAMEAR A MENOS NA SOCIEDADE
Os locais em que se concentram essas bandas e roqueiros muito doidões, bailes funks e carnavalescos, shows como Lady Gaga e semelhantes, axés, festas halloweens, ou doutra modalidade, como as sexo-novelas, filmes e vídeos pornôs e BBBs da vida etc., os mais diversos estilos, ritmos e tendências, uma parafernália de som e agito totais, em que se embalam à base de álcool, drogas, sexo e todo tipo de perversão e alienação possíveis mostram-no.

De fato,sse ambiente faz parte de um plano satânico de desagregar as pessoas por meio de promiscuidades gerais, fragmentá-las, desfamiliarizando-as, destruindo todas as referências ético-morais cristãs para dividi-las entre si entre si, engajando-as cada uma em determinado movimento reivindicatório, e mais, aprovando adoção do aborto, uniões gays, glbts, amor livre etc., aumentará a violência e facilitará a dominação de povo incauto e alienado por um Estado totalitário, opressor, materialista e ateu, uma verdadeira patrulha ideológica são a síntese dos projetos da NWO/SHA.

Aliás, quem participa de qualquer evento desses níveis favorece também a injustiça, por cooperar financeiramente com essas depravações; além do mais, essas bandas de roqueiros alucinados ou individuais, shows, bailes funks e carnavalescos, assim como os componentes desse frenesi total, todos praticamente são consagrados a satanás, provando-o por meio de muitas letras de músicas lascivas ou apologistas ao diabo, vícios e comportamentos gerais e algumas tatuagens específicas de seus seguidores, como cobras, escorpiões, lagartos, etc.

Concluindo, tais situações configuram serem todos os participantes desses shows e locais de "PONTOS DE ENCONTRO E COMPARTILHAMENTO COM O DIABO E COM SEUS COMPARSAS". Acha boa idéia iniciar desde já sua parceria com o diabo para eternidade?

Grasiele Souza disse...

Agradeço a todos que fizeram chegar esta mensagem! Eu recebi pelo facebook...
Vamos fazer a nossa parte e divulgar o quanto pudermos!
A verdade precisa ser conhecida e que bom podermos ajudar nisto!

dimitrieagle disse...

Brilhante, oportuno e corajoso comentário! Espero que tenha a repercussão que merece. Parabéns Rachel!